Outras Notícias

Concerto pela Paz

  • Concerto pela Paz - Samuel (Autor e intérprete de canções)


    Samuel Quedas, nascido em 1952. Os primeiros vinte anos de vida são uma sucessão de “mal entendidos”, envolvendo uma Igreja à qual não quer pertencer e um curso apontado para a economia, que não quer seguir. Quando finalmente escolhe a História, descobre que a História já tinha outros planos: apresentar-lhe pessoalmente José Afonso.

  • Concerto pela Paz - Sebastião Antunes

    Sebastião Antunes, mentor do grupo Quadrilha, já com oito álbuns editados e centenas de concertos em Portugal e no Estrangeiro.

    O músico inicia a sua carreira em 1993, com um primeiro álbum de nome “Contos de Fragas e Pragas”, onde começa um percurso apoiado nas raízes da tradição portuguesa, com incursões à música pop, e muitas influências vindas da então chamada Música Celta proveniente da Galiza, Irlanda, Escócia e Bretanha.

  • Concerto pela Paz - Viana do Castelo | 2017

  • Concerto pela Paz - Vila Nova de Gaia

  • Concerto pela Paz - Vila Nova de Gaia

  • Concerto pela Paz – Porto 2017: Intervenção de Ilda Figueiredo

    Minhas Senhoras e Meus Senhores, Estimadas Amigas e Amigos da Paz
    Em nome da Direcção do Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) saúdo todas as pessoas presentes neste magnífico Concerto pela Paz, no Teatro Rivoli, só possível com o empenhamento de muitos artistas e grupos que aqui intervêm hoje, envolvendo cerca de 200 pessoas, e para quem vai o nosso caloroso agradecimento.

    Agradecimento que é também extensivo à Câmara Municipal do Porto, com quem o CPPC tem um protocolo de colaboração, em especial ao Presidente e à Vice-presidente, ao Pelouro da Educação, ao Teatro Rivoli e aos seus técnicos que, em conjunto connosco e com Guilhermino Monteiro, montaram este espectáculo que esperamos vos agrade a todos. Como sabem, é o segundo Concerto pela Paz que organizamos no Rivoli com apoio da Câmara Municipal do Porto. Esperamos que para o ano haja mais.

  • Concerto pela Paz apresentado por Tiago Santos

    Musico fundador, guitarrista, compositor e letrista dos Cool Hipnoise, vem desde os anos 90 a desenvolver o seu percurso naquilo que é conhecido genericamente como "Música Negra". Criou e tem trabalhado ainda com as bandas Spaceboys, Cais Sodré Funk Connection, Marfa, Combo Nuevo Los Malditos, Rita & O Revólver, assim como colaborou com revistas como a Op, Luso Beat ou a Dif.

    Disc-Jockey desde 1997, tem corrido diversas cabines de salas e festivais por todo o país.

    Faz parte da equipa da rádio Oxigénio 102.6 fm desde o seu início no ano 2000.

  • Concerto pela Paz em Vila Nova de Gaia

  • Concerto pela Paz em Vila Nova de Gaia

    Concerto pela Paz
    A arte ao serviço da Paz

    O Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) continua empenhado na preparação e realização de Concertos pela Paz, o que tem contado com a generosidade de muitos artistas e colectividades para a promoção de uma cultura de Paz.

    Num momento tão complexo e preocupante como o que se está a viver no plano internacional, sobretudo no Médio Oriente e em África, mas também na Europa, é importante mobilizar para a defesa deste objectivo tão nobre e imprescindível ao futuro da humanidade – a Paz – sem a qual não é possível a liberdade, a democracia, o desenvolvimento e o progresso social.

  • Concerto pela Paz no Porto

  • Concerto pela Paz no Porto

  • Concerto pela Paz no Porto

  • Concerto pela Paz une vontades no Porto

    Foi magnífico o Concerto pela Paz que esgotou o Teatro Rivoli, no Porto, no passado dia 7 de Janeiro. Promovido pelo Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC), teve o apoio da Câmara Municipal do Porto e o empenhamento e participação de diversas organizações e cerca de 200 artistas, desde as crianças e jovens do Bando dos Gambozinos, da Orquestra Juvenil de Bonjóia, da Orquestra de Jazz do Conservatório de Música do Porto e do Balleteatro, até ao Grupo Uma Vontade de Música, ao Coral de Letras da Universidade do Porto, acompanhado ao piano por Fausto Neves, culminando com Pedro Abrunhosa e seus músicos.
    No átrio do Rivoli esteve patente uma exposição de belos poemas de crianças e jovens de escolas do Porto que trabalharam em torno da Paz e ali puderam ser apreciados por cerca de mil pessoas que assistiram ou participaram no Concerto pela Paz.
    Este foi o segundo Concerto pela Paz que o CPPC organizou no Rivoli com apoio da Câmara Municipal do Porto, com quem existe um protocolo de colaboração, e o empenhamento solidário de centenas de activistas da Paz, com destaque para associações, artistas, escolas, professores, técnicos municipais e outros. Como foi referido por Ilda Figueiredo, presidente da direcção do CPPC, na apresentação do Concerto, «esperamos que para o ano haja mais».
    Ali foi referido que a participação no Concerto pela Paz é uma maneira de assinalar, a muitas vozes, a nossa indignação face às guerras de agressão e expressar, a muitas vozes também, a nossa solidariedade com os povos vítimas do colonialismo, de actos de ingerência externa e de conflitos armados, de injustiças e desigualdades sociais, da opressão, dos desrespeito da sua soberania e independência nacionais. E de dizermos, todos, Paz sim, guerra não!

    Vídeo disponível em https://youtu.be/3hNzsSVwXR8

    (fotos de Egídio Santos, a quem agradecemos)