Outras Notícias

CEBRAPAZ

  • Cebrapaz manifesta grave preocupação com ameaça de guerra generalizada e agressão imperialista contra a Síria

    Divulgamos texto publicado pelo Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (Cebrapaz) sobre a escalada de agressão dos EUA e seus aliados na Síria.

    "Cebrapaz manifesta grave preocupação com ameaça de guerra generalizada e agressão imperialista contra a Síria

    O Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (Cebrapaz) soma-se a outros movimentos da paz em todo o mundo em sua profunda preocupação e advertência diante da escalda da agressão imperialista na Síria. Sumamo-nos ao apelo e ao alerta à população mundial para o risco de uma guerra generalizada, de proporções imprevisíveis. Acreditamos ser cada vez mais urgente, sob pena de nos depararmos com uma situação irreversível, a mobilização mundial contra a iminência da guerra.

  • Cebrapaz manifesta repúdio e lamenta o assassinato da líder camponesa Berta Cáceres em Honduras

    O CPPC divulga e associa-se à posição divulgada pelo Centro Brasileiro de Solidariedade com os Povos e Luta pela Paz a propósito do assassinato da activista e líder camponesa, hondurenha, Berta Cáceres.

    "Cebrapaz manifesta repúdio e lamenta o assassinato da líder camponesa Berta Cáceres em Honduras

    O Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz expressa sua revolta, sua consternação e seu pesar pela morte de Berta Cáceres, coordenadora do Conselho Cívico de Organizações Populares e Indígenas de Honduras (COPINH), que foi assassinada nesta quarta-feira, 2 de março, em La Esperanza, no departamento hondurenho de Intibucá.

    Somamo-nos à condenação desse assassinato político e da reafirmação da memória de luta de Berta, que já esteve no Brasil e engajou-se em campanhas como o apelo pela eliminação das bases militares estrangeiras em que o Cebrapaz também se engaja. Bertha foi sempre uma voz altiva de denúncia das perseguições aos camponeses e militantes de movimentos sociais, uma liderança na defesa dos direitos humanos e da dignidade em Honduras.

    Expressamos nosso profundo pesar aos companheiros do COPINH, aos familiares e amigos de Berta e ao povo hondurenho pela perda de uma liderança tão engajada e determinada. Somamo-nos aos apelos pela responsabilização dos culpados por seu assassinato e pelo fim imediata da perseguição política contra lideranças dos movimentos sociais!

    Berta foi uma mulher resistente contra a exploração e a violência.
    O povo hondurenho não se curvará nem se atemorizará!

    Socorro Gomes
    Presidenta do Cebrapaz"

  • Cebrapaz repudia a perseguição contra os movimentos sociais e manifesta solidariedade ao MST

    Divulgamos texto publicado pelo Centro brasileiro de solidariedade com os povos e luta pela paz:

    "Cebrapaz repudia a perseguição contra os movimentos sociais e manifesta solidariedade ao MST

    O Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (Cebrapaz) manifesta seu profundo repúdio e consternação pela invasão da Escola Nacional Florestan Fernandes pela Polícia Civil de São Paulo, nesta sexta-feira (4 de novembro de 2016). Manifestamos também nossa determinada solidariedade ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), vítima da arbitrariedade cometida pelas autoridades paulistanas.

    Somamo-nos às forças progressistas brasileiras e internacionais que, no grave momento de abusos e perseguições que se instala no país, denunciam, repudiam e combatem a criminalização dos movimentos sociais no Brasil e das ações dos que seguem firmes na luta em defesa da democracia e da justiça social.

  • Contra o golpismo, em defesa da democracia e do Brasil!

     

    Divulgamos posição do Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (Cebrapaz), sobre a situação no Brasil:

    "Contra o golpismo, em defesa da democracia e do Brasil!

    O Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz une-se aos trabalhadores e trabalhadoras do Brasil, aos movimentos sociais e às lideranças ultrajadas pelo crescendo golpista que enfrentamos desde a reeleição da presidenta Dilma Rousseff, no final de 2014. Entretanto, a perplexidade não nos desmobiliza para o enfrentamento ao retrocesso, à intentona ilegítima e desqualificada de impeachment, fartamente documentada como fraudulenta.

  • CRIANÇAS PALESTINAS HOMENAGEADAS NO BRASIL

     

    No passado dia 25 de Agosto, quando se assinala um ano sobre a mais recente agressão de grande escala de Israel contra o território palestino da Faixa de Gaza, foi assinalado no Brasil, com a plantação de um bosque dedicado às 551 crianças assassinadas durante a operação.

    Foi desta forma que o Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (CEBRAPAZ), encerrou o ciclo “Ocupação e Resistência na Palestina – Um ano da Ofensiva israelense”.

    No local da plantação das 551 árvores também foi instalada uma placa com os nomes das crianças palestinas vitimadas e suas idades. Das 2.251 pessoas mortas pela agressão de Israel em 2014, um quarto eram crianças.

    A iniciativa que contou com a participação do Embaixador da Palestina no Brasil, Ibrahim Alzeben, da presidente do CEBRAPAZ e do Conselho Mundial da Paz, Socorro Gomes (na foto), de autoridades locais e de cerca de 30 alunos do sexto ano da escola Senador Luís Carlos Prestes, teve lugar na Cidade Tiradentes e reafirmou a solidariedade dos brasileiros com o povo palestino, na luta pela paz e na resistência contra a ocupação israelita.

  • Divulgação de nota do Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz

    Solidários com a luta do povo brasileiro divulgamos nota do Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (Cebrapaz), sobre a situação no Brasil.

    “No Brasil, se fortalece a mobilização popular contra os ataques de um governo golpista

    A Frente Povo Sem Medo e a Frente Brasil Popular, da qual o Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (Cebrapaz) faz parte, têm promovido o fortalecimento da mobilização dos brasileiros e brasileiras na defesa da democracia e dos seus direitos, vilipendiados por um governo nascido do golpe de Estado parlamentar, jurídico e midiático de 2016. As greves e manifestações que mobilizaram mais de um milhão de pessoas em todo o país são evidências da força que cresce.

  • Manutenção da guerra: Gastos militares somam 2,3% do PIB mundial

    Divulgamos artigo publicado pelo Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz.

    Manutenção da guerra: Gastos militares somam 2,3% do PIB mundial

    O mais recente relatório do Instituto Internacional de Estocolmo de Pesquisas para a Paz (Sipri) confirma que a tendência de aumento dos gastos militares mundiais voltou a se verificar em 2015. Aproximadamente 2,3% do Produto Interno Bruto (PIB) de todo o planeta foi investido na guerra, ou seja quase US$ 1,7 trilhões (quase R$ 6 trilhões, na conversão atual). Os campeões dos gastos militares continuam sendo os Estados Unidos, com US$ 595 bilhões (quase R$ 2,1 trilhões), mais do que o dobro do segundo maior gasto, o chinês, de US$ 215 bilhões (R$ 752 bilhões).

    Por Moara Crivelente*

  • Mensagem do CEBRAPAZ pelo falecimento de Silas Cerqueira

    Estimados amigos do o Conselho Português para a Paz e Cooperação:

    É com muito pesar e com manifestações das nossas mais solidárias condolências que o Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (Cebrapaz) lamenta a perda do grande combatente pela paz, o companheiro Silas Cerqueira, nesta segunda-feira, 22 de agosto de 2016.

    Dirigimo-nos ao CPPC neste triste momento para homenagear o dedicado dirigente e histórico ativista. Transmitimos também nossas sinceras condolências à família e aos amigos dele que foi um grande exemplo de engajamento em uma luta comum a toda a humanidade, por justiça e por paz.

    Por isso, estendemos nossa manifestação solidária e de pesar a todo o povo português na perda deste grande exemplo de ativismo, mas com a certeza de que sua herança continuará enriquecendo a luta dos portugueses e dos povos amantes da paz por justiça e contra a guerra.

    Pela solidariedade entre os povos, na luta pela paz!

    Saudações fraternais,

    Socorro Gomes
    Presidenta do Cebrapaz

  • Solidariedade para com a activista da Paz Moara Crivelente

    O Conselho Português para a Paz e Cooperação manifesta a sua solidariedade para com a activista da Paz Moara Crivelente, membro do Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz (CEBRAPAZ), com quem tem trabalhado há já vários anos no âmbito do Conselho Mundial da Paz, pelo injusto tratamento e expulsão de Israel de que foi vítima no dia 24 de Julho.

    O CPPC lembra ainda todos os muitos activistas que já passaram por situações semelhantes e condena as contínuas arbitrariedades e crimes cometidos pelo Estado Israelita, de que o povo palestino continua a ser a principal vítima.

    Afirmamos que as tentativas de Israel intimidar o movimento de solidariedade não só não demoverão os que defendem a causa palestina como lhes dão, ainda mais, a força da razão.

    Palestina vencerá!

    Leia o artigo de Moara Crivelente