Outras Notícias

debate

  • os refugiados a guerra e a luta pela paz 1 20180516 1824932958

  • O CPPC promove, no dia 9 às 18h00, no Clube dos Fenianos Portuenses, um debate inserida na campanha que está a desenvolver pela assinatura por parte de Portugal do Tratado de Proibição de Armas Nucleares. Participam Ilda Figueiredo, presidente da direcção do CPPC; o jornalista Alfredo Maia e o escultor Norberto Jorge.

    No âmbito desta campanha, o CPPC lançou uma petição, que pode ser subscrita aqui: http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=nao-armas-nucleares

     

  • Integrado na campanha pela assinatura por parte de Portugal do Tratado de Proibição de Armas Nucleares, o CPPC promove no dia 24 de Janeiro, em Olhão, um debate em que participa Ilda Figueiredo. O debate está marcado para as 21 horas nas instalações da Associação Cultural Re-Criativa República 14 (antiga Recreativa Rica, na Avenida da República, 14).

    Desta campanha faz parte uma petição, que pode ser assinada aqui: http://peticaopublica.com/viewfullsignatures.aspx…

  • Nos dias 10 e 11 de Fevereiro O CPPC participou em debates que decorreram em cinco Escolas Secundárias do Algarve: Silves, Messines, Vila Real de Santo António, Cacela e Tavira.

    No seu conjunto, participaram cerca de 350 jovens e diversos professores, com os quais foi possível debater os conflitos actuais, apelando à mobilização na defesa e promoção da Paz, para garantir o futuro com respeito pela democracia e pelo direito dos povos a viverem em paz, com progresso e desenvolvimento.

    Foi ainda inaugurada, na Escola Secundária de Vila Real de Santo António, a exposição sobre os "100 anos da Grande Guerra e a luta pela Paz".

     

  • educacao para a paz 5 20190215 1573917718

    Integrado no programa Educação para a Paz, que o Conselho Português para a Paz e Cooperação está a desenvolver, realizaram-se, em 13 de Fevereiro, no Algarve, dois debates com alunos e professores das Escolas EB Júdice Fialho, em Portimão, e da EB do Parchal, em Lagoa.

    Nos debates, bastante participados, intervieram, designadamente, a professora Isa Martins, da direcção do SPZS, e Ilda Figueiredo, presidente da DN do CPPC, tendo sido dada particular atenção à importância da defesa da Paz num momento tão complexo como o que estamos a viver. Houve boa receptividade por parte de alunos e professores.

  • Divulgamos informação sobre a melhor forma de chegar ao Encontro!

    preparativos do encontro pela paz 1 20181020 1327778598

  • No Pavilhão Paz e Amizade já se dão os últimos retoques para te receber!

    preparativos do encontro pela paz 3 20181020 2067132398

    preparativos do encontro pela paz 4 20181020 2057099126

    preparativos do encontro pela paz 5 20181020 1617399808

  • O Núcleo de Évora do Conselho Português para a Paz e Cooperação, realizou uma sessão pública em defesa da Paz, no dia 14 de Maio, no Salão nobre do Teatro Garcia Resende.

    Os oradores, José Goulão, especialista em política internacional e João Pimenta Lopes, deputado português no Parlamento Europeu e que integra o Grupo Confederal da Esquerda Unitária Europeia/Esquerda Verde Nórdica, abordaram questões como as causas e responsáveis pela crise de refugiados, o tratamento da União Europeia aos refugiados, ou o domínio da comunicação social por interesses económicos.

  • 15 de Dezembro'2014
    18h00 . Casa da Cultura de Beja

    No próximo dia 15 de Dezembro, pelas 18h00, na Casa da Cultura de Beja, o Núcleo da Paz de Beja do Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) em conjunto com a Câmara Municipal de Beja, inauguram a Exposição "Construir a Paz com os valores de Abril".

    Por ocasião da inauguração, terá lugar uma sessão de debate sobre "A situação internacional e a luta pela Paz", que contará com a participação de Ilda Figueiredo, Presidente do CPPC.

    Participa!

  • 16 de Dezembro'2014
    14h30 . Biblioteca da Moita

    No próximo dia 16 de Dezembro, pelas 14h30, é inaugurada na Biblioteca Municipal Bento de Jesus Caraça, na Moita, a exposição “Construir a Paz com os Valores de Abril”.

    A inauguração da exposição será seguida de um debate, que contará com a presença de Ilda Figueiredo, Presidente do CPPC, e Rui Garcia, Presidente da Câmara Municipal da Moita.

    Participa!

    http://www.cm-moita.pt/pt/conteudos/noticias+e+eventos/noticias/exposicao+e+debate+contruir+a+paz+com+valores+de+abril.htm#.VIhyICiSBS8.facebook

  • No dia 7 de Março, na inauguração da exposição " 100 da Grande Guerra e a luta pela Paz", do CPPC, na Escola Secundária Alexandre Herculano, no Porto, com o director da escola Dr. Manuel José Lima, a vice-presidente da Câmara Municipal do Porto, Dra Guilhermina Rego, e a presidente da Direcção Nacional do CPPC, Ilda Figueiredo. Seguiu-se um animado debate com cerca de 100 alunos e diversos professores.

  • O Conselho Português para a Paz e Cooperação apresentou no dia 19, na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, o livro «Décadas de Luta pela Paz». Participaram na sessão Gustavo Carneiro, da Direcção Nacional do CPPC, e os professores daquela instituição João Paulo Oliveira e Costa e João Luís Lisboa. Partindo do conteúdo do livro, o debate centrou-se nas principais ameaças à paz na actualidade e na necessidade de levar mais longe a acção pelo desarmamento e a paz.

  •  de 700 participantes deram corpo a um grande encontro pela paz 28 20181026 1370400071

    As organizações e entidades promotoras do Encontro pela Paz que, no passado sábado, 20 de Outubro, se realizou no Pavilhão Paz e Amizade, em Loures, saúdam os mais de 700 participantes, vindos de vários pontos do País, que com a sua participação activa fizeram desta iniciativa um importante momento que, certamente, irá contribuir para o desenvolvimento da luta pela paz em Portugal.

    Ao mesmo tempo, valorizam as mais de 45 organizações e entidades que se juntaram ao processo preparatório do Encontro pela Paz e todos os que, da sua tribuna, partilharam análises, experiências e pontos de vista: homens, mulheres e jovens; dirigentes e activistas das organizações envolvidas, sindicalistas, autarcas, padres, militares, professores, jornalistas, investigadores, juristas, estudantes, entre muitos outros.

    Os promotores do Encontro pela Paz agradecem a todos os trabalhadores do Município de Loures que garantiram, durante todo o dia, um funcionamento exemplar e condições óptimas para um trabalho frutuoso, e aos grupos musicais que com a sua actuação em muito valorizaram o Encontro: o coro da Liga dos Amigos da Mina de São Domingos e as Batucadeiras da Quinta da Princesa (Seixal).