Outras Notícias

Península da Coreia Respeito pela soberania para fazer face à tensão

Desde sempre que o CPPC considerou que os problemas do povo coreano teriam que ser resolvidos pelo próprio povo coreano, sem ingerências externas. Os acontecimentos das últimas semanas dão-lhe razão. Após um período de particular tensão militar na região, as duas partes da Coreia retomaram um diálogo há muito interrompido e mantêm aberta a comunicação sobre assuntos de interesse comum. Os Jogos Olímpicos de Inverno serão apenas a face mais visível.

Quem não gostou da aproximação entre a República Popular Democrática da Coreia, a norte, e a República da Coreia, a sul, foram os Estados Unidos, há muito empenhados em avivar tensões na região para, assim, procurarem justificar o significativo reforço da sua presença militar na Península da Coreia, no Extremo Oriente e no Pacífico (junto às fronteiras da China). Os EUA são, aliás, o principal responsável pela divisão da Coreia.

Ler mais...

Acção e beleza em Almada, pela paz e o desarmamento

A Sessão Cultural pela Paz e o Desarmamento promovida pelo CPPC no sábado, 27, no cineteatro da Academia Almadense, constituiu um emocionante momento de afirmação da campanha em curso pela adesão de Portugal ao Tratado de Proibição de Armas Nucleares. Pelo renovado palco da centenária colectividade almadense passaram criadores e artistas, educadores e activistas, que no seu quotidiano se batem por justos valores, como são a paz, a solidariedade e a cooperação.

O programa da sessão, apresentada por Sílvia Cunha, começou na rua, com o grupo Almada Street Band, composto por jovens músicos, animou a população encaminhando-a para o interior do espaço, onde prosseguiu no palco a sua actuação. Seguiu-se os Rumores d’ Além Tejo, com a música tradicional portuguesa a lembrar que é no povo e nas suas aspirações, tradições e cultura que reside a identidade de um povo, pilar da sua soberania. A juventude voltou a estar no centro das atenções com os The Future IZ US e a contagiante alegria e energia da sua dança.

Ler mais...

Ações no Algarve levam mais longe a luta pela Paz

Durante os dias 24 e 25 de Janeiro, uma delegação do CPPC incluindo Ilda Figueiredo, presidente da direcção nacional, e Sofia Costa, do núcleo do CPPC no Algarve, acompanhadas de Isa Martins, representante do Sindicato dos Professores da Zona Sul, reuniram com diversas instituições de Loulé, Faro, Olhão e Vila Real de Santo António, para programar actividades e parcerias no âmbito da educação para a paz, da cultura da paz e da campanha pela assinatura e ratificação por Portugal do Tratado de Proibição das Armas Nucleares.

Ler mais...