Outras Notícias

Pela Paz! Todos não somos demais!

No passado dia 18 de Abril realizou-se na Casa da Paz, em Lisboa, uma importante reunião dos membros dos Corpos Sociais, incluindo diversos membros da Presidência, e representantes de núcleos do CPPC.

Num debate muito vivo e fraterno, avaliaram-se as diversas iniciativas e tomadas de posição que o CPPC tem desenvolvido, fizeram-se sugestões para aprofundar temas, posições e áreas de intervenção,visando o reforço do movimento da paz em Portugal. Foi também dada particular atenção à necessidade de melhorar a comunicação do CPPC, dando particular atenção às formas de divulgação, tendo sido salientado um notório esforço na melhoria do grafismo.

Ler mais...

Pela Paz e a Cooperação entre os povos!

37º Aniversário da formalização do Conselho Português para a Paz e Cooperação


Foi há 37 anos – 24 de Abril de 1976 - que o Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) se constituiu legalmente, o que se pode considerar também uma conquista da Revolução de Abril.

Durante o fascismo, lutar pela paz, contra a guerra, pelo desarmamento, pelo fim dos blocos político-militares e pela solidariedade e cooperação com os povos do mundo dava direito a prisão e a torturas que poderiam ir até à morte, o que muitos enfrentaram com grande coragem.

Ler mais...

Pela Paz, por Abril!

25 de Abril
Pela Paz, por Abril!

Comemoram-se 39 anos sobre a data gloriosa do 25 de Abril de 1974, sobre o fim do regime fascista e da guerra colonial e o início de um amplo e profundo processo de transformação, de uma Revolução ímpar que colocou Portugal no rumo do progresso, da justiça social e da Paz.

A Constituição da República Portuguesa de 1976, nascida da Revolução de Abril, reflecte os princípios orientadores e os objectivos do Programa do Movimento das Forças Armadas, enriquecidos pela força criadora e transformadora do povo português e incorpora também o que de mais relevante a comunidade mundial foi capaz de produzir em termos de Direitos Humanos e Direito Internacional, em defesa da Paz.

Ler mais...