Outras Notícias

"Lutar pela Abolição de todas as Armas Nucleares!"

lutar pela abolicao de todas as armas nucleares 1 20180926 2063391405

No seguimento das acções decididas na reunião das organizações Europeias membro do Conselho Mundial da Paz (CMP), em Londres a 26 de Maio, e da consulta das organizações Europeias membros do CMP, divulgamos o texto "Lutar pela Abolição de todas as Armas Nucleares!", e a imagem que o acompanha, para coincidir com o 26 de Setembro, declarada pelas Nações Unidas como Dia Internacional para a Eliminação Total das Armas Nucleares.

Ler mais...

Abolição das Armas Nucleares. Hiroxima e Nagasáqui Nunca Mais!

abolicao das armas nucleares hiroxima e nagasaqui nunca mais 1 20180801 1410212925

Na sequência das actividades decididas na reunião das organizações membro do Conselho Mundial da Paz da região Europa, realizada em Londres a 26 de Maio, e da posterior consulta dessas organizações divulgamos o texto “Abolir as Armas Nucleares – Hiroxima e Nagasáqui Nunca Mais!”, para assinalar os 73 anos dos bombardeamentos dos EUA contra estas duas cidades japonesas.

Abolição das Armas Nucleares
Hiroxima e Nagasáqui Nunca Mais!

Os dias 6 e 9 de Agosto de 1945, são datas que os amantes da paz de todo o mundo assinalam, para manter viva a memória do terrível crime em que consistiu o lançamento, pelos EUA, de bombas atómicas contra as cidade japonesas de Hiroxima e Nagasáqui, e para concluir, desta tragédia que causou milhares de mortos e sofrimento que continua ainda hoje, a necessidade de continuar e fortalecer a luta contra o militarismo e a guerra, pela paz e o desarmamento, nomeadamente o desarmamento nuclear.

Ler mais...

Sim à Paz! Não à NATO! Portugal: compromissos com quem?

sim a paz nao a nato 7 20180704 1036382682

Portugal é membro da NATO desde a sua fundação, em 1949, e participa regularmente nas suas missões. Actualmente militares portugueses integram contingentes da NATO no Afeganistão, Kosovo e Mali e no Mediterrâneo e Báltico. No País encontram-se instalações da NATO – como o Quartel-general das forças navais de ataque e apoio da NATO ou o Centro de Análise Conjunta e de Lições Aprendidas da NATO.

Os sucessivos governos portugueses têm estado sempre comprometidos com o alargamento geográfico e o reforço do carácter belicista da chamada 'aliança atlântica'.

Ler mais...

Petição entregue na Assembleia da República

peticao entregue na assembleia da republica 1 20180714 1904763895

Mais de 13000 pelo fim das armas nucleares

O Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) entregou ontem, dia 5 de Julho, em audiência com o Senhor deputado José Matos Correia, Vice-presidente da Assembleia da República, as mais de 13 000 assinaturas recolhidas para a petição que reclama das autoridades portuguesas a assinatura e ratificação do Tratado de Proibição de Armas Nucleares.

Tendo em conta o número de assinaturas entregues, a petição será debatida em sessão plenária da Assembleia da República.

Da delegação do CPPC faziam parte o vice-presidente Filipe Ferreira e os membros da direcção Manuela Pontes de Sousa e Gustavo Carneiro. Esteve também presente Gonçalo Costa, da Associação Projecto Ruído, que promoveu a campanha «Desarma a Bomba – Pelo fim das armas nucleares, já!», no âmbito da qual foram igualmente recolhidas milhares de assinaturas.

Ler mais...

Sim à Paz! Não à NATO! Militarização da União Europeia ao serviço da NATO

sim a paz nao a nato 6 20180704 1861863140

O processo de militarização da União Europeia deu, no final do ano passado, um significativo salto em frente, com o lançamento da chamada 'Cooperação Estruturada e Permanente' ('PESCO', na sigla inglesa) em matérias ditas de 'defesa' e 'segurança'.

Este processo, no qual o Governo português decidiu envolver o País, realiza-se em 'coordenação' e 'complementaridade' com a NATO e tem como propósitos o incremento das despesas militares dos países participantes, o desenvolvimento e articulação da indústria armamentista e o aumento da capacidade operacional militar da UE.

Ler mais...