pela paz solidariedade com a revolucao bolivariana coimbra 1 20190422 2069933263

Belo ato de solidariedade com a Revolução Bolivariana, aconteceu na Casa da Cultura de Coimbra.

Muitos amantes da PAZ defenderam a cooperação entre os povos e manifestaram-se contra a ingerência imperialista dos Estados Unidos da América (EUA), nos assuntos internos da Venezuela. Os ativistas da Paz, responderam ao apelo do Conselho Português para a Paz e Cooperação(CPPC) e participaram neste “Ato Político-Cultural” demonstrando que a Venezuela não está só. Participaram também reconhecidos artistas - João Queirós, Catarina Moura, Luís Pedro Madeira e Rui Damasceno – que, desta forma, expressaram a sua solidariedade com a Venezuela Bolivariana.

 

Além da intervenção da presidente da direção do CPPC, Ilda Figueiredo, que saudou a importante sessão político cultural de solidariedade com a República Bolivariana da Venezuela, falou das conquistas alcançadas nos últimos vinte anos desde que o presidente Hugo Chavez ganhou as eleições mas também dos ataques que os EUA em conluio com a oligarquia venezuelana foram desferindo contra a democracia, desde o golpe contra Hugo Chavez até às várias tentativas de golpe contra o presidente Maduro, Ilda figueiredo recordou que "O imperialismo norte americano não desiste de tentar fazer da América Latina o seu quintal das traseiras. Veja-se o que aconteceu nas Honduras, Paraguai, a evolução no Brasil e as ameaças que continuam contra a Venezuela", também o dirigente da CNA, Alfredo Campos, participante da recente Assembleia Internacional dos Povos, realizada em Caracas em Fevereiro passado, relatou o testemunho daquilo que viu na Venezuela. Apresentou os contrastes entre a realidade vivida e aquilo em que os media pretendem que acreditemos. Afirmou que os meios de comunicação social dominantes e dominados, divulgam internacionalmente falsidades. E é também essa informação manipulada que chega ao povo português. O que viu e constatou, foi a enorme vontade daquele povo, em defender a revolução bolivariana e de combater as consecutivas ingerências dos EUA, ou de qualquer outro país. Apresentou a convicção, de que a manter-se esta heroica resistência e a aliança cívico-militar, haverá por certo, condições para a revolução bolivariana prosseguir e triunfar.

Foi ainda aprovada por aclamação dos presentes uma moção de apoio à revolução bolivariana, a enviar às embaixadas dos Estados Unidos da américa e da República Bolivariana da Venezuela, ao Ministério dos Negócios Estrangeiros de Portugal e aos média.

O POVO DA VENEZUELA VENCERÁ!
VIVA A REVOLUÇÃO BOLIVARIANA!
VIVA A PAZ!
PELA PAZ, SOLIDARIEDADE COM A REVOLUÇÃO BOLIVARIANA

Coimbra,10 de Abril 2019

#TiremAsMaosDaVenezuela #VenezuelaNoEstaSola #HandsOffVenezuela #ARevoluçãoBolivarianaNaoEstaSo #LaRevolucionBolivarianaNoEstaSola #TheBolivarianRevolutionIsNotAlone