Outras Notícias

FacebookTwitterRSS Feed

O Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC) esteve presente na escola Mestre Domingos Saraiva, no concelho de Sintra, numa conversa com alunos do 9º ano sobre a situação no Saara Ocidental, com a presença da diretora da escola, Fátima Morais, e as fotógrafas Inês Seixas e Helena Costa, que cederam as suas fotografias para uma exposição que ali se realizou. Para além destas, vários outros fotógrafos, que capturaram momentos no Saara, tiveram ali as suas fotografias..
Esta iniciativa inseriu-se no trabalho que, durante o 2º semestre, uma turma de alunos de 9º ano realizou sobre a situação do Saara Ocidental, concretizando vários projetos artísticos alusivos aos refugiados, ao povo e à vida sarauí.
O percurso pela iniciativa iniciou-se com uma belíssima música no piano por parte de um aluno, a que se seguiu a visita às exposições fotográficas e aos trabalhos da turma, onde houve mais um momento musical de instrumentos de sopro.
Chegados ao espaço da conversa a orquestra juvenil Mestre Domingos Saraiva brindou os convidados com várias músicas, seguindo-se depois o debate.
O CPPC esteve representado no debate pela dirigente Sofia Costa, que explicou os antecedentes históricos desta região bem como alguns aspectos da vida nos acampamentos de refugiados saarauis na Argélia, de onde tinha acabado de chegar, e deu a conhecer o papel do CPPC na defesa deste povo e dos seus direitos.
Interveio também o saarauí Bachir, agora professor em Madrid, que agradeceu e saudou os alunos da escola por se debruçarem sobre este tema.
A diretora da escola agradeceu a presença de todos e agradeceu aos alunos pelos seus magníficos trabalho, A orquestra terminou a sessão com “rosa branca"