Outras Notícias

OBAMA, A VENEZUELA NÃO É UMA AMEAÇA

PELA RETIRADA IMEDIATA DA ORDEM EXECUTIVA DOS EUA CONTRA A VENEZUELA

Denunciamos a recente decisão do Presidente dos Estados Unidos de prolongar a infundada e injusta ordem executiva de 9 de Março de 2015, que declara a emergência nacional «perante a ameaça inusual e extraordinária para a segurança nacional e a política externa dos Estados Unidos representada pela situação na Venezuela».

Denunciamos igualmente as sanções aplicadas pelos Estados Unidos contra a República Bolivariana da Venezuela, o Governo de Nicolas Maduro e o povo venezuelano, que agora foram igualmente reafirmadas.

Associamo-nos ao Dia Mundial de Solidariedade com a Venezuela – que se assinala dia 19 de Abril de 2016 – exigindo a revogação imediata da ordem executiva dos Estados Unidos contra a República Bolivariana da Venezuela e o fim da acção de ingerência contra este país latino-americano.

Recordamos que milhões de pessoas, incluindo muitos portugueses e portuguesas, condenaram num abaixo-assinado – que reuniu mais de 14 milhões de assinaturas – a inaceitável intromissão dos Estados Unidos nos assuntos internos de um Estado soberano, exigindo a revogação da ordem executiva contra a Venezuela.

Unimo-nos a todos quantos exigem da Administração norte-americana o respeito pela autodeterminação dos povos, do seu direito a decidirem livremente o seu caminho, como aliás consagra a Carta das Nações Unidas.

Expressamos a nossa solidariedade à República Bolivariana da Venezuela e ao povo venezuelano, ao Presidente Nicolás Maduro e a todas as forças que defendem a soberania e a independência da Venezuela e o progresso social e a paz para o seu povo.

As organizações subscritoras:

AAPC – Associação de Amizade Portugal-Cuba

ACR – Associação Conquistas da Revolução

Associação Portuguesa de Amizade e Cooperação Iúri Gagárin

CGTP-IN - Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses – Intersindical Nacional

CPPC – Conselho Português para a Paz e Cooperação

FESAHT – Federação dos Sindicatos de Agricultura, Alimentação, Bebidas, Hotelaria e Turismo de Portugal

ID – Associação Intervenção Democrática

JCP – Juventude Comunista Portuguesa

MDM - Movimento Democrático de Mulheres

Mó de Vida – Cooperativa

USL - União dos Sindicatos de Lisboa / CGTP-IN